sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Feliz olhar novo

O grande barato da vida é olhar para trás e sentir orgulho da sua história. O grande lance é viver cada momento como se a receita da felicidade fosse o AQUI e o AGORA.
Claro que a vida prega peças. É lógico que, por vezes, o pneu fura, chove demais... Mas, pensa só: tem graça viver sem rir de gargalhar pelo menos uma vez ao dia?
Tem sentido ficar chateado durante o dia todo por causa de uma discussão na ida pro trabalho?
Quero viver bem. 2012 foi um ano cheio.
Foi cheio de coisas boas e realizações, mas também cheio de problemas e desilusões.
Normal! Às vezes se espera demais das pessoas.
Normal! Grana que não veio, o amigo que decepcionou, o amor machucou.
Normal! 2013 não vai ser diferente.
Muda o século, o milênio muda, mas o homem é cheio de imperfeições, a natureza tem sua personalidade que nem sempre é a que a gente deseja, mas e aí?
Fazer o quê?
Acabar com seu dia?
Com seu bom humor?
Com sua esperança?
O que eu desejo para todos nós é sabedoria! E que todos saibamos transformar tudo em uma boa experiência!
Que todos consigamos perdoar o desconhecido, o mal educado.
Ele passou na sua vida. Não pode ser responsável por um dia ruim...
Entender o amigo que não merece nossa melhor parte.
Se ele decepcionou, passe-o para a categoria 3, a dos amigos.
Ou mude de classe, transforme-o em colega.
Além do mais, a gente, provavelmente, também já decepcionou alguém.
O nosso desejo não se realizou?
Beleza, não estava na hora, não deveria ser a melhor coisa pra esse momento (me lembro sempre de algo que eu adoro: CUIDADO COM SEUS DESEJOS, ELES PODEM SE TORNAR REALIDADE.
Chorar de dor, de solidão, de tristeza, faz parte do ser humano.
Não adianta lutar contra isso.
Mas se a gente se entende e permite olhar o outro e o mundo com generosidade, as coisas ficam diferentes.


Feliz ano Novo!

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Colheres de Cabo Comprido‏

Conta uma lenda que Deus convidou um homem para conhecer o céu e o inferno.
Foram primeiro ao inferno.
Ao abrirem uma porta, o homem viu uma sala em cujo centro havia um caldeirão de substanciosa sopa e à sua volta estavam sentadas pessoas famintas e desesperadas.
Cada uma delas segurava uma colher, porém de cabo muito comprido, que lhes possibilitava alcançar o caldeirão, mas não permitia que colocassem a sopa na própria boca.
O sofrimento era Grande.
Em seguida, Deus levou o homem para conhecer o céu.
Entraram em uma sala idêntica à primeira: havia o mesmo caldeirão, as pessoas em volta e as colheres de cabo comprido.
A diferença é que todos estavam saciados
Não havia fome, nem sofrimento.
-"Eu não compreendo", disse o homem a Deus, "-por que aqui as pessoas estão felizes enquanto na outra sala morrem de aflição, se é tudo igual?"
Deus sorriu e respondeu:" Você não percebeu? É porque aqui eles aprenderam a dar comida uns aos outros."
Dificilmente o individualismo consegue transpor barreiras.
A alegria faz bem à saúde; estar sempre triste é morrer precocemente.
 
 
Dias Felizes

domingo, 16 de setembro de 2012

Seja Feliz...


Quando meu filho nasceu pedi a Deus que ele fosse feliz.  Todo o dia, em minhas orações, rogava aos céus que iluminasse seus caminhos e que sua vida fosse maravilhosa.  Sentia que Deus respondia minhas suplicas cada vez que via um sorriso largo e expressivo estampado em seu rosto.  

Meu bebê cresceu e passamos dias difíceis quando ele se apaixonou pelas drogas. Tive momentos de muita tristeza e tive que aprender a respeitar as opções de vida que ele escolheu. Como entender que meu filho caminhava por um caminho que não era o meu..? Afinal de contas na minha fantasia de mãe eu havia feito uma estrada florida, sem pedras para que ele pudesse caminhar sem machucar os pés...  Mesmo assim continuava pedindo para que ele fosse feliz.

E foi com a ajuda de mãos entrelaçada as minhas formando um circulo de força, fé e alegria que consegui amar meu filho com o mais puro sentimento que encontrei dentro do meu coração.

Olhando seus erros, tropeços e conseqüências me revesti de coragem e tomei atitudes abrindo mão do direito de sofrimento que é concedido as mães..   

As mudanças aconteceram e do mesmo jeito que chorei muito pela vida que ele levava também sorri muito ao vê-lo levantar se. Vi suas vitorias, mesmo que pequenas, mas eram as conquistas que seus limites podiam alcançar. Valorizei seu empenho em progredir e apoiei suas mudanças.   

Não digo que a droga venceu porque no dia do falecimento do meu filho vi em seus olhos a felicidade que tanto pedi a Deus. Hoje com os olhos marejados e coração aberto me despeço dele.  Peço a Deus que onde quer que ele esteja continue iluminando seus caminhos e fazendo dele uma pessoa feliz.

Saudades meu amor...

domingo, 2 de setembro de 2012

A IDADE DO RESTO DE NOSSA VIDA

Em certa ocasião alguém perguntou a Galileo Galilei :

- Quantos anos tens?

- Oito ou dez, respondeu Galileo, em evidente contradição com sua barba branca.  

E logo explicou

- Tenho, na verdade, os anos que me restam de vida, porque os já vividos não os tenho mais,
como não temos mais as moedas que já gastamos.

Crescemos em sabedoria se valorizarmos o tempo como Galileo Galilei

Dizemos espantados

- Como passa o tempo!!. 

Mas na verdade, somos nós que passamos

O astrônomo italiano sabia que aqui estamos de passagem. Somos peregrinos e é bom pensar na meta que nos espera...

A certeza de que nosso caminhar terreno tem um final, é o melhor recurso para valorizarmos mais cada minuto. 

Assim podemos aproveitar o que realmente temos:

O PRESENTE!!!

Convém desfrutar cada dia como se fosse o último.

O ontem já se foi e o amanhã ainda não chegou

APROVEITE O HOJE...

Que todos os anos que nos restam sejam,.....

de alegrias e saúde e serão anos maravilhosos,....

Sejam anos vividos com amor!!!!

Abraços.

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

ANTES DE MORRER... "VIVA!"

"Imagine a vida como um jogo em que você esteja fazendo malabarismos com cinco bolas no ar.

Estas são: seu Trabalho - sua Família - sua Saúde - seus Amigos e sua Vida Espiritual, e você terá de mantê-las todas no ar.

Logo você vai perceber que o Trabalho é como uma bola de borracha. Se soltá-la ela rebate e volta.

Mas as outras quatro bolas: Família, Saúde, Amigos e Espírito, são frágeis como vidros. Se você soltar qualquer uma destas, ela ficará irremediavelmente lascada, marcada, com arranhões, ou mesmo quebradas, vale dizer, nunca mais será a mesma.

Deve entender isto: tem que apreciar e esforçar para conseguir cuidar do mais valioso. Trabalhe eficientemente no horário regular do escritório e deixe o trabalho no horário. Gaste o tempo requerido à tua família e aos seus amigos. Faça exercício, coma e descanse adequadamente. E sobre tudo... Cresça na sua vida interior, no espiritual, que é o mais transcendental, porque é eterno.

Shakespeare dizia: "Sempre me sinto feliz, sabes por quê? Porque não espero nada de ninguém. Esperar sempre dói. Os problemas não são eternos, sempre têm solução. O único que não se resolve é a morte. A vida é curta, por isso, ame-a!

Viva intensamente e recorde:

Antes de falar... Escute!
Antes de escrever... Pense!
Antes de criticar... Examine!
Antes de ferir... Sente!
Antes de orar... Perdoe!
Antes de gastar... Ganhe!
Antes de render... Tente de novo!


ANTES DE MORRER... VIVA!"




                                     http://www.dicasdachermont.com/2012/07/antes-de-morrer-viva.html

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Despedida do Sr. Bryan Dyson...,

 “Imagine a vida como um jogo em que você esteja fazendo malabarismos com cinco bolas no ar.
Estas são: seu Trabalho - sua Família - sua Saúde - seus Amigos e sua Vida Espiritual, e você terá de mantê-las todas no ar.
Logo você vai perceber que o Trabalho é como uma bola de borracha. Se soltá-la, ela rebate e volta.

Mas as outras quatro bolas: Família, Saúde, Amigos e Espírito, são frágeis como vidros. Se você soltar qualquer uma destas, ela ficará irremediavelmente lascada, marcada, com arranhões, ou mesmo quebradas, vale dizer, nunca mais será a mesma.

Deve entender isto: tem que apreciar e esforçar para conseguir cuidar do mais valioso. Trabalhe eficientemente no horário regular do escritório e deixe o trabalho no horário. Gaste o tempo requerido à tua família e aos seus amigos. Faça exercício, coma e descanse adequadamente. E sobretudo...
Cresça na sua vida interior, no espiritual, que é o mais transcendental, porque é eterno...


Viva intensamente e recorde:

Antes de falar... Escute!
Antes de escrever... Pense!
Antes de criticar... Examine!
Antes de ferir... Sente!
Antes de orar... Perdoe!
Antes de gastar... Ganhe!
Antes de render... Tente de novo!

ANTES DE MORRER... VIVA!”


                                                                                                    Bryan Dyson


Dias Felizes

domingo, 15 de julho de 2012

A vida de cada um...

Muitas vezes nos sentimos cansados e desanimados.
É como se carregássemos um fardo pesado demais sobre as nossas costas.
O pior é que essa sensação é real, pois quando queremos dar conta de tudo, tomar decisões pelos outros,  viver a vida do próximo, com certeza nosso fardo ficará muito mais pesado do que aquilo que podemos suportar.
Quando mal conseguimos dar conta do nosso fardo,  como querer carregar os dos outros?
Isso não quer dizer que devemos nos tornar egoístas.
Ao contrário, sejamos caridosos, solidários e amorosos,  mas sem querermos vivenciar as experiências que precisam ser vividas pelo outro para o seu aprendizado.
Amar não é fazer pelo outro o que ele mesmo pode fazer. Amar é fazer o que precisa ser feito. 

Sigamos, assim, confiando que Deus está amparando a cada um de nós.



Dias Felizes

quarta-feira, 27 de junho de 2012

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Em busca da Felicidade...


Passamos a vida em busca da felicidade.  Procurando o tesouro escondido.

E assim, uns fogem de casa para serem felizes.  Outros fogem para casa em busca da felicidade.  

Uns se casam pensando em serem felizes.  Outros se divorciam para serem felizes.  

Uns desejam viver sozinhos para serem felizes.  Outros desejam possuir uma grande família a fim de serem felizes.

Uns fazem viagens caríssimas buscando serem felizes. Outros trabalham além do normal buscando a felicidade.

Uns desejam ser profissionais liberais para comandar a sua própria vida e poder serem felizes.  Outros desejam ser empregados para ter a certeza do salário no final do mês e,

assim, poderem ser felizes.

Outros, ainda, desejam trabalhar por comissão,  assegurando que o seu esforço  se transforme em melhor remuneração e assim serem felizes.

É uma busca infinita.

Anos desperdiçados.

Nunca a lua está ao alcance da mão.

Nunca o fruto está maduro.

Nunca o carinho recebido é suficiente.

Mas, há uma forma melhor de viver!

A partir do momento em que decidirmos ser felizes,  nossa busca da felicidade chegou ao fim.  É que percebemos que a felicidade  não está na riqueza material, na casa nova,

no carro novo,  naquela carreira,  naquela pessoa.

E jamais está à venda.

Quando não conseguimos achar satisfação dentro de nós mesmos,  é inútil procurar em outra parte.

Sempre que dependemos de fatores externos  para ter alegria, estamos fadados à decepção.

A felicidade não se encontra nas coisas exteriores.

A felicidade  consiste na satisfação com o que temos e com o que não temos.

Poucas coisas são necessárias  para fazer o homem sábio feliz, ao mesmo tempo em que nenhuma fortuna satisfaz a um inconformado.

Tenhamos certeza:  A única fonte de felicidade está dentro de nós,  e deve ser repartida.

Repartir nossas alegrias  é como espalhar perfumes sobre os outros:

Sempre algumas gotas acabam caindo sobre nós mesmos.

Se chover,  seja feliz com a chuva que molha os campos,  varre as ruas e limpa a atmosfera.

Se fizer sol, aproveite o calor.

Se houver flores em seu jardim, aproveite o perfume.

Se tudo estiver seco,  aproveite para colocar as mãos na terra,  plantar sementes e aguardar a floração.

" O TEMPO É MUITO LENTO PARA OS QUE ESPERAM.

 MUITO RÁPIDO PARA OS QUE TÊM MEDO .

MUITO LONGO PARA OS QUE LAMENTAM

MUITO CURTO PARA OS QUE FESTEJAM

MAS PARA OS QUE AMAM

O TEMPO É ETERNIDADE."



Que  "As sementes de luz" brotem em nossos corações,  irradiando os caminhos da vida...

domingo, 3 de junho de 2012

ANTES QUE ADORMEÇAS


Antes que Adormeças observa a página que escreveste neste dia!

Repara se não esqueceste de registrar as pequenas alegrias, os sorrisos,  os sinais de carinho, os gestos de amizade...

As discretas ternuras que se escondem em singelos favores que nos fazem.

Observa também se desenhaste  as flores que enfeitaram esse dia...

Mesmo aquelas que floresceram  anônimas e solitárias na beira das calçadas...

Se coloriste o céu com o anil mais delicado...

Ou então se registraste a chuva como uma teia de cristais pendurada nas árvores,

grudada nas vidraças...

Por certo hás de lembrar da lua que surgiu bem cedo,  ansiosa por despertar rubores no horizonte... E também tingiste a noite com seus véus escuros,  pontilhando-a de estrelas cintilantes...

Antes que adormeças, enfeita a página deste dia com o brilho da tua presença...

Porque mesmo que não tenhas lembrado ainda, tu és a parte mais importante deste livro que escreves a cada dia que passa!

Pois são teus gestos, teus sorrisos, tuas lágrimas e as tuas palavras que compõem

- com os teus sentimentos -  a história da tua vida.

Antes que adormeças,  prepara as tintas da esperança e pinta com capricho a luz de um novo dia!

Acredite e lembre-se...

O futuro sempre procura ler  páginas já escritas!







                                                                                                 Gotas de Cristal







Dias Felizes

quarta-feira, 16 de maio de 2012

....♥ CARTA DE UMA MÃE PARA SUA FILHA ♥....

Minha querida menina, no dia que você perceber que estou envelhecendo,  peço a você para ser paciente, mas acima de tudo, tentar entender pelo o  que estarei passando.

Se quando conversarmos, eu repetir a mesma coisa dezenas de vezes, não me interrompa dizendo: “Você disse a mesma coisa um minuto atrás”. Apenas ouça, por favor.  Tente se lembrar das vezes quando você era uma criança e eu li amesma história noite após noite até você dormir.

Quando eu não quiser tomar banho, não se zangue e não me encabule.  Lembra de quando você era criança eu tinha que correr atrás de você dando desculpas e tentando colocar você no banho?

Quando você perceber que tenho dificuldades com novas tecnologias,  me dê tempo para aprender e não me olhe daquele jeito...lembre-se, querida, de como eu pacientemente ensinei a você muitas coisas, como comer direito, vestir-se, arrumar seu cabelo e a lhe dar com os problemas da vida todos os dias...o dia que você ver que estou envelhecendo, eu lhe peço para ser paciente, mas acima de
tudo, tentar entender pelo o que estarei passando.

Se eu ocasionalmente me perder em uma conversa, dê-me tempo para lembrar  e se eu não conseguir, não fique nervosa, impaciente ou arrogante.  Apenas lembre-se, em seu coração, que a coisa mais importante para mim é estar com você.

E quando eu envelhecer e minhas pernas não me permitirem andar tão rápido quanto antes, me dê sua mão da mesma maneira que eu lhe ofereci a minha em seus primeiros passos.

Quando este dia chegar, não se sinta triste. Apenas fique comigo e me entenda, enquanto termino minha vida com amor. Eu vou adorar e agradecer pelo tempo e  alegria que compartilhamos. Com um sorriso e o imenso amor que sempre tive por você, eu apenas quero dizer, "eu te amo minha querida filha”.

                                                                                        (Fonte: Spring in the Air)


Dias Felizes

sábado, 12 de maio de 2012

MÃES MÁS...

Um dia, quando os meus filhos forem crescidos o suficiente para entenderem a lógica que motiva os pais e as mães, eu hei de dizer-lhes:
Eu os amei o suficiente para ter perguntado: onde vão, com quem vão e a que horas regressarão?
Eu os amei o suficiente para não ter ficado em silêncio e fazer com que vocês soubessem que aquele novo amigo não era boa companhia.
Eu os amei o suficiente para fazê-los pagar as balas que tiraram da mercearia e os fazer dizer ao dono: "Nós roubamos isto ontem e queríamos pagar".
Eu os amei o suficiente para ter ficado em pé junto de vocês 2 horas, enquanto limpavam o seu quarto; tarefa que eu teria realizado em 15 minutos.
Eu os amei o suficiente para os deixar ver além do amor que eu sentia por vocês, o desapontamento e também as lágrimas nos meus olhos.
Eu os amei o suficiente para os deixar assumir a responsabilidade das suas ações, mesmo quando as penalidades eram tão duras que me partiam o coração.
Mais do que tudo, eu os amei o suficiente para dizer-lhes não, quando eu sabia que vocês poderiam me odiar por isso. Essas eram as mais difíceis batalhas de todas.

Estou contente, venci... porque no final vocês venceram também! E qualquer dia, quando meus netos forem crescidos o suficiente para entenderem a lógica que motiva os pais e as mães, meus filhos vão lhes dizer quando eles lhes perguntarem se a sua mãe era má: "Sim... Nossa mãe era má. Era a mãe mais má do mundo.
As outras crianças comiam doces no café e nós tínhamos de comer cereais, ovos e torradas. As outras crianças bebiam refrigerante e comiam batatas fritas e sorvete no almoço e nós tínhamos de comer arroz, feijão, carne, legumes e frutas. E ela obrigava-nos a jantar à mesa, bem diferente das outras mães, que deixavam os filhos comerem vendo televisão.
Ela insistia em saber onde nós estávamos a toda hora. Era quase uma prisão. Mamãe tinha que saber quem eram os nossos amigos e o que nós fazíamos com eles. Insistia que lhe disséssemos que íamos sair, mesmo que demorássemos só uma hora ou menos.
Nós tínhamos vergonha de admitir, mas ela violou as leis de trabalho infantil. Nós tínhamos de lavar a louça, fazer as camas, lavar a roupa, aprender a cozinhar, aspirar o chão, esvaziar o lixo e todo o tipo de trabalhos cruéis. Eu acho que ela nem dormia à noite, pensando em coisas para nos mandar fazer.
Ela insistia sempre conosco para lhe dizermos a verdade, e apenas a verdade. E quando éramos adolescentes, ela até conseguia ler os nossos pensamentos.
A nossa vida era mesmo chata.
Ela não deixava os nossos amigos tocarem a buzina para que nós saíssemos. Tinham de subir, bater à porta para ela os conhecer. Enquanto todos podiam sair à noite com 12, 13 anos, nós tivemos de esperar pelos 16.
Por causa da nossa mãe, nós perdemos imensas experiências da adolescência. Nenhum de nós esteve envolvido em atos de vandalismo, violação de propriedade, nem fomos presos por nenhum crime.
Foi tudo por causa dela. Agora que já saímos de casa, nós somos adultos, honestos e educados, estamos a fazer o nosso melhor para sermos "pais maus", tal como a nossa mãe foi.
Eu acho que este é um dos males do mundo de hoje:
Não há suficientes Mães más...




                                                                            Dr. Carlos Hecktheuer

Dias Felizes

sábado, 5 de maio de 2012

Pão com Manteiga

Conta a história que um casal tomava café da manhã no dia de suas bodas de prata.
A mulher passou a manteiga na casca do pão e o entregou para o marido, ficando com o miolo. Ela pensou: "Sempre quis comer a melhor parte do pão, mas amo demais o meu marido e, por 25 anos, sempre lhe dei o miolo. Mas hoje quis satisfazer meu desejo. Acho justo que eu coma o miolo pelo menos uma vez na vida".
Para sua surpresa, o rosto do marido abriu-se num sorriso sem fim e ele lhe disse:   "Muito obrigado por este presente, meu amor... Durante 25 anos, sempre desejei comer a casca do pão, mas como você sempre gostou tanto dela, jamais ousei pedir!"

Moral da história:
1.Você precisa dizer claramente o que deseja, não espere que o outro adivinhe...
2.. Você pode pensar que está fazendo o melhor para o outro, mas o outro pode estar esperando outra coisa de você...
3.. Deixe-o falar, peça-o para falar e quando não entender, não traduza sozinho. Peça que ele se explique melhor.
4.. Esse texto pode ser aplicado não só para relacionamento entre casais, mas também para pais/filhos, amigos e mesmo no trabalho.

Você costuma agir dessa forma, tentando decifrar o que os outros dizem, ou realmente fala o que pensa, sem esperar que o outro adivinhe?

PS: Tão simples como um pão com manteiga!


                                                                  Amigo  Ernesto                                                               

       

Dias Felizes

terça-feira, 1 de maio de 2012

O TEMPO

Se existe algo que devemos aceitar em nossas vidas e a ordem do tempo e a forma como escrevemos nossa história ao longo dele. Ele tem sido nosso maior aliado em diversas situações. Em momentos quando observamos o quanto tem sido implacável e observamos que nossos filhos não são mais crianças e puderam ocupar o seu tempo em pro de suas evoluções. O tempo também cicatriza momentos infelizes em nossa...s vidas e faz com que amadurecemos a nossa forma de lidar e enxergar melhor as nossas falhas ao longo desses anos. O tempo bem ocupado e respeitado faz com que possamos criar lindas historias, conquistas de amizades que muitas vezes sentimos saudades, nos leva ao passado e nos fortalece em afirmar que ocupamos bem cada instante desse tempo para harmonizarmos nossas vidas. Em fim o tempo vive ao nosso lado e não podemos perder sua referencia para que possamos curtir cada minuto em busca de dias melhores ou tempos melhores em busca de nossas felicidades!
 
                                                               Paulo de Tarso Cunha
 
 
Dias Felizes

domingo, 29 de abril de 2012

Como cuidar bem de você mesmo
1. Caminhe de 10 a 30 minutos todos os dias e sorria enquanto caminha.
Descrição: Caminhada-1.jpg
Descrição: Oração-1.jpg
2. Ore na intimidade com Deus pelo menos 10 minutos por dia, em segredo, se for necessário.
3. Escute boa música todos os dias. A música é um autêntico alimento para o espírito.
4. Ao se levantar de manhã, fale "Deus, meu Pai, Te agradeço por este novo dia".
Descrição: Saxofone-1.jpg
Descrição: Brincar-1.jpg
5. Viva com os 3 "E": Energia, Entusiasmo e Empatia.
6. Participe de mais brincadeiras do que no ano passado.
7. Sorria mais vezes do que o ano passado.
Descrição: Sorrir-1.jpg
Descrição: Sonhar-1.jpg
8. Olhe para o céu pelo menos uma vez por dia e sinta a majestade do mundo que rodeia você.
9. Sonhe mais, estando acordado.
10. Coma mais alimentos que crescem nas árvores e nas plantas, e menos alimentos industrializados.
Descrição: Legumes-1.jpg
Descrição: Risada-1.jpg
11. Coma nozes e frutas silvestres. Tome chá verde, muita água e um cálice de vinho ao dia. Cuide de brindar sempre por alguma das muitas coisas belas que existem em sua vida e, se possível, faça em companhia de quem você ama.
12. Faça rir pelo menos 3 pessoas por dia.
13. Elimine a desordem de sua casa, seu carro e seu escritório. Deixe que uma nova energia flua em sua vida.
Descrição: Limpeza-1.jpg
Descrição: Fofoca-1.jpg
14. Não gaste seu precioso tempo em fofocas, coisas do passado, pensamentos negativos ou coisas fora de seu controle. Melhor investir sua energia no positivo do presente.
15. Tome nota: a vida é uma escola e você está aqui para aprender. Os problemas são lições passageiras, o que você aprende com eles é o que fica.
16. Tome o café da manhã como um rei, almoce como um príncipe e jante como um mendigo.
Descrição: Rei-1.jpg
Descrição: Abraço-1.jpg
17. Sorria mais.
18. Não deixe passar a oportunidade de abraçar quem você ama. Um abraço!
19. A vida é muito curta para você desperdiçar o tempo odiando alguém.
Descrição: Odiar-1.jpg
Descrição: Discussão-1.jpg
20. Não se leve tão a sério. Ninguém faz isto.
21. Não precisa ganhar cada discussão. Aceite a perda e aprenda com o outro.

22. Fique em paz com o seu passado para não estragar o seu presente.
Descrição: Paz-2.jpg
Descrição: Paz-1.jpg
23. Não compare sua vida com a dos outros. Você não sabe como foi o caminho que eles tiveram que trilhar na vida.
24. Ninguém está tomando conta da sua felicidade a não ser você mesmo.
25. Lembre que você não tem o controle dos acontecimentos, mas sim do que você faz deles.
Descrição: Aprender-1.jpg
Descrição: Pensando-2.jpg
26. Aprenda algo novo cada dia.
27. O que os outros pensam de você não é de sua conta.
28. Ajude sempre os outros. O que você semeia hoje, colherá amanhã.
Descrição: Ajudar-5.jpg
Descrição: Ajudar-1.jpg
29. Não importa se a situação é boa ou ruim, ela mudará.
30. O seu trabalho não cuidará de você quando você estiver doente. Seus amigos sim. Mantenha contato com seus amigos.
31. Descarte qualquer coisa que não for útil, bonita ou divertida.
Descrição: Lixo-1.jpg
Descrição: Pensando-1.jpg
32. A inveja é uma perda de tempo. Você já tem o que você precisa.
33. O melhor está ainda por vir.
34. Não importa como você se sente: levante, vista e participe.
Descrição: Amor-1.jpg
Descrição: Telefone-1
35. Ame sempre com todo o seu ser.
36. Telefone para seus parentes frequentemente e mande emails dizendo: Oi, estou com saudades de vocês!
37. Cada noite, antes de deitar, agradeça a Deus por mais um dia vivido.

Descrição: Oração-2
38. Lembre que você está muito abençoado para estar estressado.
39. Desfrute da viagem da vida. Você só tem uma oportunidade, tire dela o maior proveito.



Dias Felizes

terça-feira, 17 de abril de 2012

SÓ PARA VOCÊ

Dê sempre o melhor.  E o melhor virá!

Às vezes as pessoas são egocêntricas, ilógicas e insensatas...
Perdoe-as assim mesmo!

Se você é gentil, as pessoas podem acusá-lo de egoísta e interesseiro...
Seja gentil assim mesmo!

Se você é um vencedor, terá alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros...
Vença assim mesmo!

Se você é honesto e franco, as pessoas podem enganá-lo...
Seja honesto e franco assim mesmo!

O que você levou anos para construir, alguém pode destruir de uma hora para outra...
Construa assim mesmo!

Se você tem paz e é feliz, as pessoas podem sentir inveja...
Tenha paz e seja feliz assim mesmo!

O bem que você faz hoje, pode ser esquecido amanhã...
Faça o bem assim mesmo!

Dê ao mundo o melhor de você, mas isso pode nunca ser o bastante...
Dê o melhor de você assim mesmo!


E veja você que, no final das contas,  é entre você e Deus...
Nunca foi entre você e eles!

Tenha uma vida muito feliz!



                                                                                              Madre Tereza de Calcutá


Dias Felizes

domingo, 8 de abril de 2012

RICO OU POBRE

“Tenho a intenção de processar a revista "Fortune", porque fui vítima de uma omissão inexplicável. Ela publicou uma lista dos homens mais ricos do mundo, e nesta lista eu não apareço. Aparecem: o sultão de Brunei, os herdeiros de Sam Walton e Mori Takichiro. Incluem personalidades como a rainha Elizabeth da Inglaterra, Niarkos Stavros, e os mexicanos Carlos Slim e Emilio Azcarraga.
Mas eu não sou mencionado na revista. E eu sou um homem rico, imensamente rico. Como não? vou mostrar a vocês:

Eu tenho vida, que eu recebi não sei porquê, e saúde, que conservo não sei como.
Eu tenho uma família, esposa adorável, que ao me entregar sua vida me deu o melhor para a minha; filhos maravilhosos, dos quais só recebi felicidades; e netos com os quais pratico uma nova e boa paternidade.
Eu tenho irmãos que são como meus amigos, e amigos que são como meus irmãos.

Tenho pessoas que sinceramente me amam, apesar dos meus defeitos, e a quem amo apesar dos meus defeitos.
Eu tenho uma casa, e nela muitos livros (minha esposa iria dizer que tenho muitos livros e entre eles uma casa).
Eu tenho um pouco do mundo na forma de um jardim, que todo ano me dá maçãs.
Eu tenho um cachorro que não vai dormir até que eu chegue, e que me recebe como se eu fosse o dono dos céus e da terra.
Eu tenho olhos que vêem e ouvidos para ouvir, pés para andar e mãos que acariciam; cérebro que pensa coisas que já ocorreram a outros, mas que para mim não haviam ocorrido nunca.
E eu tenho fé em Deus que vale para mim amor infinito. Pode haver riquezas maiores do que a minha?
Por que, então, a revista "Fortune" não me colocou na lista dos homens mais ricos do planeta? "

E você, como se considera? Rico ou pobre?


Há pessoas pobres, mas tão pobres, que a única coisa que possuem é ... DINHEIRO.


                                                                           Armando Fuentes Aguirre (Catón)



Dias Felizes